Evolução ou simplesmente o passar dos anos...

6 de maio de 2009
Ontem, por mera casualidade reencontrei uma grande amiga dos tempos do secundário.

Uma breve conversa de 30 minutos deu para por (muito) pouca coisa em dia, mas deu para ver que, na essencia, ela está na mesma :)

Sempre bem disposta, com as mesmas maluqueiras e brincadeiras. Enfim, senti que mesmo tendo passado quase 10 anos, tudo esta igual. E fiquei contente, muito contente. Também pusemos em dia a conversa sobre os amigos com o quais cada um tem contacto

No entanto a vida de ambos mudou bastante.

Infelizmente, foi lhe diagnosticada uma doença crónica grave, e faleceram-lhe várias pessoas queridas num ano só.

Eu tive os meus problemas, com a minha depressão nervosa pelo meio a ser o de maior relevo a nivel de saudade, entre outros problemas particulares.

Um dos pontos que saliento na nossa conversa foi a frase: Já viste?! 'Tá tudo a casar e a ter filhos!!

Na realidade, estão todos. Pelo menos 2 estão casados, e outros tantos estão com filhos.

Além disso acrescentam-se os que vão casar - estando eu incluido no grupo

Poderiamos chamar a isso evolução, mas disse lhe apenas: Ticha, ja passaram 10 anos desde que acabamos o secundário.

Ao pensar de novo nisso fiquei com um sentimento misto de felicidade e nostalgia.

Apesar de estar na fase mais feliz de minha vida, com o inicio da minha vida a dois, e com projectos para a nossa vida em comum, o periodo em que frequentei o secundário foi um dos melhores da minha vida.

Era uma fase de sonhos, de transitar entre a adolescencia e o inicio da vida adulta, de diversão sem consequencias e de alegria.

A nossa preocupação atingia o seu limite na fase dos exames nacionais. E a partir dai tudo mudou.

Foram tempos fantásticos que marcaram as nossa vidas, e por mais curioso que seja, coincidiu com a mudança de milénio.

Mas essas lembranças são também parte de nós, que nos levaram a ser quem somos. E por tudo isso, insubstituiveis e impossiveis de repetir.

Resta-nos seguir o velho ditado, recordar é viver. E criar novas recordações, com essas pessoas e as novas que foram entrando na nossa vida


2 comentários

  1. Teresa Says:

    Ola Ivo!! Gostei muito desta reflexão, mas gostei ainda mais de descobrir que és tu um dos meus seguidores. É tão engraçada esta coisa dos blogs... Ta tudo bem contigo? Tudo de bom!!

  2. Dash Raven Says:

    É verdade, quando descobri o teu Blog cmecei logo a segui-lo.

    Este não é o meu caminho habitual no blog, mas há alturas da vida que nos fazem pensar mais um pouco :)

    Espero que esteja tudo bem, e que continues a dançar muito tb :)

Dash's Blog | Powered by Blogger | Entries (RSS) | Comments (RSS) | Designed by MB Web Design | XML Coded By Cahayabiru.com